0715_logo_descolabs-04.png

+55 14 3012-0075 

DIA DO MÚSICO | Eu faço música, por que preciso entender também de marketing?

 

 

"Meu negócio é fazer música e colocar no mundo, não gosto da parte chata!”

 

Ok, mas o mundo é gigantesco e você está colocando para quem ouvir?

 

Quem é rodeado por amigos músicos já deve ter escutado por diversas vezes frases parecidas com essas, não é mesmo? Os músicos muitas vezes ao estarem tomados pela paixão em fazer sua arte acabam esquecendo que aquilo também é um negócio, uma empresa e deve-se ter os cuidados necessários.

 

Durante toda a minha vida uni a paixão pela comunicação e pela música e a partir dali muitas oportunidades surgiram, trabalhei como produtora artística e marketing de diversos cantores e bandas, o que um dia me levou ao Rock in Rio e lá pude comprovar tudo o que eu já acreditava, a música é INCRÍVEL, mas com ela precisa vir muito planejamento, marketing para transmitir toda a EXPERIÊNCIA que deseja para o público.

 

Um dos cases brilhantes de sucesso de um músico que uniu o marketing para lançar seu novo CD e mostrar que sempre é necessário se reinventar. Em 2018 Paul MacCartney entendeu perfeitamente como o mundo consome informação atualmente e a partir disso desenvolveu um plano genial! Paul participou de diversos canais do Youtube, fez parceria com o Spotify em um “Spotify Singles”, um formato de registro ao vivo, gravou um filme/playlist 100% vertical (ou seja, para smartphones) e já tinha em mãos um material “bônus” do CD para surpreender seu público.

 

 (Clique na imagem para ver o mestre)

 

Além é claro das diversas ações offline, como cupom exclusivo de descontos em aplicativos de mobilidade que levava a pessoa que utilizada o cupom a um show surpresa (show este que foi transmitido ao vivo online).
 

E o que tiramos de tudo isso? Entenda seu público e SURPREENDA!

 

Paul é um músico mundialmente conhecido e continua buscando mais. Por isso, no Dia do Músico resolvi falar um pouquinho sobre passos importantes para serem feitos por você mesmo, que sonha em encontrar as pessoas que estão esperando ansiosas para te ouvir, mas ainda não te conhece.

 

1.Esteja nas redes sociais

 

Seu público está ali, você pode ainda não saber em qual delas, o importante é testar até encontrar o lugar ideal para colocar sua música, seu dia a dia e mostrar para o mundo quem é você.

 

2. Tenha um conceito visual e artístico

 

Parece um pouco difícil, né? Mas não é não! Ter um conceito visual e artístico é entender melhor a mensagem que gostaria de passar e como passar nas mais diversas formas, por exemplo: Qual a cor que mais remete a sua música? É o preto por ser um rock pesado? Ou um lilás porque sua música é bem amorzinho? Além disso, qual a fonte que mais se encaixaria com seu estilo? Cursiva ou com serifa? São detalhes que farão a diferença lá na frente.

 

3. Entenda que é necessário investir

 

Chegamos a um ponto importante, que talvez fosse óbvio, mas é onde realmente pega muita gente. Na hora de gravar um single, EP ou CD a gente se empolga bastante investindo tudo o que temos para ter o melhor produtor musical, melhor músico, melhor estúdio... Ok, isso é MUITO importante! Mas e a verba para marketing e impulsionamento deste material? É, esqueceu né? É imprescindível que essa verba seja pensada dentro de todo este projeto, porque não adianta lançar e apenas nossos amigos e família estarem ouvindo e compartilhando, o mundo precisa saber disso também (tá bom, o mundo não, mas sua cidade ou região precisa!)

 

4. Crie material! Lançou? Crie mais!!

 

"Poxa, mas eu nem sempre tenho dinheiro para investir em um clipe novo", mas quem aqui está falando em uma suuuuperprodução? Ela é muito importante, mas ainda mais é FAZER! Faça vídeos com o celular ou câmera que tiver, procure um ambiente sem ruído, monte um cenário com as coisas que tem em casa, mas FAÇA! Quanto mais conteúdo tiver, melhor.

 

5. Crie uma rede de parcerias

 

Qual é a rede de músicos de sua cidade? Quem você conhece? Quais são os estilos? Busque seus parceiros, sejam eles do mesmo estilo ou não. O importante é fazer com que uma rede seja criada e um esteja como apoio do outro, ajudando a divulgar, participando e abrindo shows. Isso faz com que o público do outro te conhece e vice-versa. Lembra que falei lá em cima do Rock in Rio? É isso que um festival faz, une públicos, tribos e tantas outras pessoas diferentes em um só lugar e o resultado? Você sempre sai apaixonado por uma banda que nunca ouviu falar mas agora é fã de carteirinha!

 

Ufa, quanta coisa, né? Mas a música também demanda muuuito trabalho além de sua criação, é importante estar atendo a isso, desta forma você sai sempre na frente, se torna referência e principalmente, se aproxima de seu público.

 

 

Compartilhar
Compartilhar
Please reload

Consumidor e varejo: como vem...

27/08/2020

Transformação digital

12/08/2020

É inevitável se reinventar: Po...

07/07/2020

1/1
Please reload

  • Branca Ícone LinkedIn
  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon
  • White Twitter Icon
  • White YouTube Icon

DESCO /BR

Rua Luso Brasileira, 4-44

Jardim Estoril, Sala 605 e 602

17016-230 - Bauru - SP

(14) 3012-0075 | (14) 99615-4806

DESCO /PT

R. Febo Moniz, 27

Lisboa – Portugal

+351 910 364 352